MaisOpinião +

Global Conference on Primary Health Care 2018


MGFamiliar ® - Wednesday, December 05, 2018



De 25 a 26 de Outubro de 2018 realizou-se em Astana, Cazaquistão, a “Global Conference on Primary Health Care”. Este evento organizado pela Organização Mundial da Saúde (OMS), UNICEF e pelo governo do Cazaquistão teve como principal objetivo o reforço da importância dos Cuidados de Saúde Primários (CSP) no mundo de modo a alcançar a cobertura universal da saúde. Foi uma conferência com uma elevada participação, contando com representantes mundiais de orgãos decisores relativamente a políticas em saúde. Integrada na conferência foi também publicada a “Astana Declaration” documento que pretende ser a atualização e evolução da declaração de Alma-Ata de 1978.

A WONCA foi uma das organizações participativas neste evento enviando uma delegação na qual tive a honra de estar incluída. O intuito da nossa participação foi reforçar a importância da integração dos médicos de família no contexto dos CSP, como elemento chave na prestação de cuidados em equipas multidisciplinares neste contexto. Através da possibilidade de participação como palestrantes em diferentes mesas, tivemos a oportunidade de transmitir a nossa mensagem. Fui convidada para ser uma das palestrantes na mesa “Ministerial Parallel Session 2.1 – New Technologies, Innovations and Research in Primary Health Care” abordando diferentes possibilidades tecnológicas para auxiliar e melhorar a prestação dos CSP, possibilitando um maior campo de abrangência bem como de capacidade de intervenção.

Incluída nesta conferência, foi também organizada uma atividade prévia de um dia intitulada “Young people´s engagement in Primary Health Care (PHC) – Youth Preparatory Workshop”. Este workshop contou com a participação de mais de 100 jovens de todo o mundo, abrangendo tanto profissionais de saúde como líderes e ativistas locais. Durante este dia, colaborámos e repensámos a organização e o papel dos CSP, bem como refletimos sobre estratégias para uma maior inclusão dos jovens em campos de decisões políticas, sendo uma voz ativa para a mudança. Os resultados deste workshop foram posteriormente apresentados ao Dr Tedros Ghebreyesus (Diretor Geral da OMS) e à Dra Henrietta H. Fore (Diretora Executiva da United Nations International Children's Emergency Fund, UNICEF).

Como já foi referido anteriormente, uma das prioridades desta conferência foi garantir a continuidade da atividade e do trabalho de investimento nos CSP, ou, como o Dr Tedros referiu no seu discurso na conferência final “Primary Health Care is the smartest investment - low cost and high results. We are closer to envision health for all. This time we will not fail, it’s time to make it happen”.

Integrando a motivação de uma maior inclusão dos jovens nos âmbitos decisores, foi estabelecida nesta conferência a “Young Leaders Network” - um grupo internacional de 21 jovens profissionais de saúde que foram selecionados de entre 2000 candidatos. Este grupo irá continuar a colaborar durante próximo ano e tem como missão a formalização da atividade e do papel dos jovens em organismos decisores, bem como reforçar a importância dos CSP. Integro este grupo e antevejo grandes possibilidades para o nosso campo de ação.

Por Ana Nunes Barata






Comments
Post has no comments.

Post a Comment




Captcha Image


Recent Posts


Tags

 

Archive